Brasscom – entidade que congrega empresas de TIC – voltou a insistir hoje, 18, durante audiência na Câmara dos Deputados, que a efetivação da MP 774, que reonera a folha de pagamento das empresas (ou elimina a opção de pagamento de 4,5% sobre o faturamento bruto no lugar de pagar 20% à previdência sobre o custo da mão de obra) irá fazer com que o governo perca, em três anos, R$ 1,1 bilhão de arrecadação de tributos, além de as empresas terem que demitir 83 mil trabalhadores.

Conforme Paulo Sérgio, diretor da entidade, se o Congresso não alterar a proposta do Executivo, o segmento de TI ficará totalmente desestruturado e voltará aos níveis de 2010. Mas, se o setor continuar a ter o benefício, poderá gerar mais 21 mil postos de trabalhos nesse período e ainda manter-se superavitário em arrecadação tributária.

Conforme o executivo, a indústria de TIC recolheu para os cofres do tesouro, durante o período em que foi contemplada com essa política (2011 a 2016) R$ 4,2 bilhões em impostos.

Fonte: http://www.telesintese.com.br/industria-de-tic-insiste-que-mp-774-vai-gerar-desemprego-e-queda-na-arrecadacao/

Telesintese - 19/05/2017


Assessoria de Imprensa

Luély Vaz Barbosa
(11) 3524-7900
comunicacao@brasscom.org.br

NEWSLETTER

Cadastre abaixo seu nome e seu e-mail para receber a newsletter da Brasscom.

E-mail cadastrado com sucesso!