A Brasscom, em parceria com o Ministério de Desenvolvimento, Indústria e Comércio MDIC, realiza projeto de capacitação em habilidades socioemocionais aos alunos do Senai que frequentam os cursos relacionados à área de Tecnologia da Informação em Brasília, Belo Horizonte, Londrina e Salvador.   

O objetivo das capacitações é disponibilizar aos estudantes ferramentas que os ajudarão a lidar com suas emoções, em variadas situações do cotidiano, visando alavancar o aprendizado e entender os contextos vivenciados nos vários meios que frequentam. 

Para Sergio Sgobbi, Diretor de Relações Institucionais da Brasscom, a promissora carreira de TI requer uma constante formação técnica e emocional, notadamente trabalho em grupo, comprometimento, visão crítica, comunicação e resiliência. “A formação técnica é facilmente alcançada através dos cursos técnicos, certificações e universidades, mas a questão comportamental ainda é um desafio para os jovens ingressantes neste mercado”, afirma.

As habilidades socioemocionais foram identificadas por meio de uma pesquisa com as empresas do setor, concluindo-se que comprometimento, raciocínio lógico, comunicação e relacionamento são as habilidades objeto da capacitação. A partir destas competências, foi desenvolvido o curso de 50 horas presenciais, acrescido de 12 horas numa plataforma tecnológica gamificada de engajamento, compartilhamento e participação. Visitas às empresas, palestras e orientação profissional de profissionais experientes complementam o projeto.

Em maio, foram encerradas duas turmas em Salvador, uma turma em Londrina e duas outras em Belo Horizonte, totalizando 115 estudantes já formados desde o início do projeto. Nas cerimônias de encerramento estiveram presentes, para a entrega de certificados aos alunos, as seguintes autoridades: Victor Botelho e Mário dos Santos, do MDIC, Felipe Lemos, do MCTIC, além de representantes da AlgarTech, Stefanini e Totvs, empresas associadas à Brasscom que apoiam o projeto.

Ainda como parte das atividades do Projeto durante o mês de maio, foram realizadas visitas técnicas a empresas de TI para promover uma vivência prática aos alunos participantes. Os estudantes de Belo Horizonte e Salvador visitaram as instalações do Serpro nestas cidades, onde puderam participar de palestras com especialistas da área. Os temas abordados, como mercado de trabalho em TI e desenvolvimento de aplicativos, despertaram o interesse dos alunos. Também dentro das programações, os alunos de Brasília visitaram o Centro de Transparência da Microsoft na cidade e interagiram com diretores da empresa. 

Ainda estão em curso quatro turmas em Belo Horizonte, com a participação de 80 alunos, mas os resultados já podem ser vistos nas vidas dos estudantes. Para Lucas Rodrigues Leite, estudante formado em turma de Brasília, a capacitação gerou uma melhoria no seu processo de autoconhecimento e aspiração profissional. “Aprendi a saber onde estão minhas falhas. Não tinha visão do que é uma carreira e como subir de cargo. Agora poderei aproveitar mais as oportunidades", relata. Para Adriana Rodrigues de Oliveira, também aluna formado pelo Projeto em Brasília, o curso propiciou enxergar um novo mercado para sua atuação profissional. "Eu trabalhava como vendedora ambulante e muita coisa mudou na minha visão de mundo e de mim mesma, pois não conseguia enxergar minha capacidade. Agora quero trabalhar em TI".

 

 

 

 

 

 

 

 

Brasscom - 29/05/2017


Assessoria de Imprensa

Luély Vaz Barbosa
(11) 3524-7900
comunicacao@brasscom.org.br

NEWSLETTER

Cadastre abaixo seu nome e seu e-mail para receber a newsletter da Brasscom.

E-mail cadastrado com sucesso!